EMPRESAS ATINGIDAS PELAS ENCHENTES EM SC:


BNDES atende pedido da FIESC e cria medidas de apoio para empresas atingidas pelas enchentes

Refinanciamento de créditos e um programa de capital de giro atenderão empresas localizadas em municípios que decretaram estado de calamidade pública ou emergência
Florianópolis, 30.12.2008 – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) atendeu solicitação feita pela FIESC de auxílio às indústrias atingidas pelas enchentes no estado. Duas medidas foram anunciadas, de refinanciamento de créditos e um programa de capital de giro.

O programa de refinanciamento de créditos – REFIN Especial prevê prazos de refinanciamento com 18 meses de carência mais 24 de amortização para empresas prejudicadas pelo suspensão do fornecimento de gás pelo rompimento do gasoduto em Gaspar e as empresas de todos os portes com unidades industriais localizadas nos municípios que declararam estado de calamidade pública ou situação de emergência.

Também está sendo criado um programa de financiamento ao capital de giro destinado às empresas dos setores de indústria, comércio e serviços – Programa de Apoio Emergencial (PEC – SC), e o Revitaliza, programa do BNDES voltado para a melhoria da competitividade – e que está sendo ampliado para incluir micro e pequenas empresas, de todos os setores de atuação, bem como as empresas de aqüicultura e pesca dos municípios atingidos.

Carla Algeri
SENAI
48 3231-4674
carlaa@fiescnet.com.br